sexta-feira, 29 de maio de 2009

Prêmio Fatma de Jornalismo 2009

Jornal Correio de Videira está na final
VENCEDORES DO CONCURSO nas categorias impresso, rádio e tevê serão conhecidos no evento de premiação durante a Semana do Meio Ambiente, em Florianópolis

Nesta semana, foram divulgados os vencedores regionais do Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental, da categoria mídia impressa. Em cada uma das 14 regionais da Fundação do Meio Ambiente há um premiado que recebe o troféu. O jornal Correio de Videira está entre os 14 melhores do estado. Os vencedores regionais concorrem a final do concurso que tem o patrocínio da Tractebel Energia. Já o apoio institucional conta com a participação da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), Associação Catarinense de Rádio e Televisão (Acaert), Associação dos Diários do Interior (ADI), Associação dos Jornais do Interior (Adjori) e Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Santa Catarina (SJSC).

O Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental tem o objetivo de valorizar o trabalho de reportagem que aborde temas sobre a importância da preservação do meio ambiente ou exemplos de “cases” que melhoraram o meio ambiente através de ações de desenvolvimento sustentável. De acordo com esses critérios, a equipe de jornalismo do Jornal Correio apresentou reportagem sobre compostagem com dejetos suínos na região, desenvolvido por produtores rurais integrados a agroindústria Perdigão.

Com a orientação técnica da empresa, os criadores desenvolvem uma forma sustentável de destinar as sobras de ração e excrementos sem agredir o meio ambiente. Com esta atitude adotada, eles também têm uma redução de custos com a produção do adubo orgânico, que utilizam na própria propriedade. A compostagem ainda pode agregar valor ao orçamento da família, se decidir comercializar o adubo.

Com a reportagem “Sustentabilidade – Dejeto de suínos vira adubo orgânico”, o jornal Correio de Videira é finalista do prêmio que valoriza ações protetoras na área do meio ambiente, sustentáveis e até de denúncias. O vencedor em cada modalidade será anunciado em evento durante a Semana do Meio Ambiente, que acontece de 2 a 8 de junho. Nas categorias rádio e televisão não há prêmio regional, apenas o ganhador estadual que recebe troféu e a premiação em dinheiro para cada especialidade.

Foram mais de 80 trabalhos inscritos nas três mídias enfocadas na
segunda edição do concurso.

finalistas
REGIONAL MATÉRIA VEÍCULO JORNALISTA

Florianópolis Lucro verde Diário Catarinense Alexandre Lenzi
Florianópolis Moda verde Diário Catarinense Viviane Bornholdt
Joinville O lixo que pode criar calçada A Notícia Camille Cardoso
Joinville Água da chuva para lavar calçadas A Notícia
Raquel Schiavini
Blumenau Água: o princípio da vida Município Dia a Dia Carina Machado
Caçador Sustentabilidade – Dejeto de suínos vira adubo orgânico Correio de Videira
Elaine de Araújo
Chapecó No lado de fora Revista Flash Vip
Silvane dos Santos
Criciúma O gigante adormecido Jornal da Manhã Larissa Biléssimo
Joaçaba Parque Fritz Plaumann: local em que a natureza renasce O Jornal
Ana Paula Roncaglio
Lages A agonia dos rios catarinenses – Contrastes na maior região hidrográfica Diário Catarinense Pablo Gomes
Rio do Sul Reciclagem do lixo – Salvando e modificando vidas O Rio-Sulense Débora Cláudio
São Miguel D´Oeste Lei Ambiental inviabiliza propriedades A Sua Voz Andréia Munari
Tubarão Meio ambiente – Maior problema da Amurel é a água Notisul
Amanda Menger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Troque uma ideia comigo sobre essa profissão perigo...